sexta-feira, dezembro 19, 2008

Atípico


Esse fim de ano está bem diferente. Como uma não adoradora de natal e ano novo, estou bem feliz em ter que trabalhar até o dia 2. Em dias tediosos e quase depressivos como 26 e 2, estarei na escola, fechando notas e registrando aulas.

Talvez esse fim de ano resuma meu ano inteiro: trabalho. Trabalhei muito. Em cinco lugares diferentes. Em 2008 não enriqueci (obviamente, todos os meus empregos são de professora), mas também não tive tédio nenhum. Encher a cabeça com poetas, classes gramaticais e declinações ajudam o tempo a passar e a colocar os pensamentos no lugar.

Outra coisa diferente é que acabei de limpar meu quarto (para surpresa total da minha mãe). Nada de colocar coisas velhas fora pra começar o ano renovada. Limpei mesmo e quase consegui aterrar os fundos da minha casa de tanta sujeira que tinha no chão. Agora tá tudo arrumadinho sem nenhuma pilha de livros no chão, nem trabalhos corrigidos em cima do DVD, nem provas por corrigir do lado da cama.

O negócio agora é parar e pensar nos dois discursos que tenho que escrever para as formaturas dos meus terceiros anos. Tenho o prazer de ter sido escolhida paraninfa nas duas escolas e agora tenho que merecer o título. Pensar em alguma coisa que vá ser lembrada sempre por eles, que vá inspirar, animar e confortar quando eles precisarem.

Também tenho que comprar presentes. Presentes pra todo mundo que eu amo. Nunca deixei pra comprar tão tarde e não me sinto muito inspirada, mas adoro dar presentes e farei um esforço pra ser original. Mais legal em dar presentes é a cara do presenteado quando acertamos. Esse é o presente que gosto de ganhar.






1 coisas de vocês:

Σr!cs disse...

Negaaaaaaaaaaaaa sai correndo pelada no final do discurso...sasaushauhsuahsua....exatamente, nada como começar o ano com coisas novas e renovadas. Se quiser, meu guarda roupa esta a disposição pra organizar hihihih

saudaddes!!!!!!!!!!!1